Bloguinho da Zizi

quinta-feira, 13 de março de 2014

Bastava?

http://art-on.ru/wp-content/uploads/2013/09/Cinemagraph_08.gif

Talvez o sentido da existência esteja tão entranhado nas simplicidades,
que de tanto nos convencerem do contrário
temos rodopiado sem rumo...
perdidos,
e de mãos atadas...
na verdade, o complexo, o filosófico, o rebuscado, se esvai ...
se desintegra pelos pios tão compreensíveis das matas,
das copas de árvores, nas nossas janelas...
o problema é que ninguém mais ouve.
Não nos resta mais tempo para ouvir,
O que nos traria conforto e paz...
Então continuamos numa busca vã,
Num frenesi por respostas...
Muitas vezes sob o risco do engano e da manipulação...
Bastava ouvir os pios...
Bastava sentir os perfumes que desabrocham...
Bastava um banho de chuva, intencional, demora...
Bastava por o pé na terra de vez em quando...
Bastava olhar o céu...
Bastava ser gente de novo.
Temos sido muita coisa.
Menos gente.
Gente de verdade tem sede de encontro,
de contato mútuo,
de acolhimento
de partilha...
tem sede de vida.
Tem sede de Deus...
e nos saberes singelos se constrói, se solidifica...
cria asas, e carrega outros, em voos de cura...de
A cura que vem da percepção clara de que
temos perdido tempo em coisas
que não tem a menos importância.


Giovanna Stadnicki

8 comentários:

✿ chica disse...

Que lindo e reflexivo text!

Não podemos deixar de ouvir os pios que chegam das árvores, as flores que teimam em nascer em lugares nem pensados, coisas desse tipo, na natureza.

Passar pela vida observando é preciso, nos permitindo viver essas coisas.

Senão, vou te dizer: Nem precisa vir, pois temos tantos problemas, incomodações que se não nos dermos presentes assim, explodiremos!

beijos,sempre lindo aqui! chica

Maysa disse...

Zizi o tempo passa muito rápido e devemos usa-lo de maneira inteligente a nosso favor , lindo texto
forte
abraço
elisa

ONG ALERTA disse...

A natureza é sábia, beijo Lisette.

Regina Rozenbaum disse...

Que maravilha de texto Zi! Perfeito pra ilustrar minha Santa Matilde...por isso tudo amo ir pra lá!
Beijuuss amaaada

Marli Soares Borges disse...

É verdade, perde-se muito tempo com bobagens, picuínhas, minúcias que não nos levam a nada. É sempre bom lembar disso, pois a gente nunca aprende. Bjs Marli

Calu B. disse...

Quando conseguimos entre o frenesi diário, revermos os passos, olharmos com precisão, descobrimos estas claras verdades, sinceras escolhas, perfeitas visões.

Dias límpidos pra vc.
Bjos,
Calu

Manuel disse...

Nem mais um pio....esta poema é mágico. Não conheço a autora mas fiquei encantado!

✿ chica disse...

Vim dizer que mais uma foto tua foi usada:

Aqui:

http://vendoascoresdavida.blogspot.com.br/2014/03/motivos-para-sorrir.html


beijos,obrigadão,lindo dia!chica