Bloguinho da Zizi

terça-feira, 13 de março de 2012

Quero saber


Quero saber se você vem comigo
a não andar e não falar,
quero saber se ao fim alcançaremos
a incomunicação; por fim
ir com alguém a ver o ar puro,
a luz listrada do mar de cada dia
ou um objeto terrestre
e não ter nada que trocar
por fim, não introduzir mercadorias
como o faziam os colonizadores
trocando baralhinhos por silêncio.,
Pago eu aqui por teu silêncio.
De acordo, eu te dou o meu
Com uma condição:
Não nos compreender.

Pablo Neruda

14 comentários:

Graça Pereira disse...

Claro que vou contigo! Neruda tem razão : é no silêncio que as pessoas melhor se entendem!
Volto aos poucos depois de uma passagem pelo deserto...
A primavera que está a chegar, me renovará!
Beijo doce.
Graça

Maria José Rezende disse...

Olá amiga Zizi. Eu e minha filha Marcela, só de nos olharmos, sabíamos perfeitamente o que queríamos dizer e o que sentíamos. No silêncio havia um perfeito entendimento. Beijos.

✿ chica disse...

Sensacional Neruda!!! O silêncio apenas e nada em troca a não ser as presenças...beijos,chica

blog da Paraguassu disse...

Querida Zizi,
Grande Pablo Neruda, um de meus poetas prediletos. Belo poema,
no qual ele pede o silêncio como cúmplice de um entendimento mútuo.
Mas, a meu ver, o silêncio nem sempre nos mostra a realidade crucial das coisas.
E, por falar em poesia, quero convidá-la a conhecer meu novo blog, o RECANTO DA POESIA. Ficarei muito honrada e feliz com sua presença por lá, amiga. Espero que gostes.
Um afetuoso beijo.
Maria Paraguassu.

fabulosafabuladora disse...

Olá!

Onde tem silêncio, não tem julgamento, preconceitos, desentendimentos... aí, o que fala é a linguagem do coração, que revela nossa essência de amor, compreensão, capacidade de perdoar e outras tantas qualidades lindas!
Aproveito aqui para retribuir o teu carinho!

Marcos Cordeiro disse...

Quem não se comunica
Se trumbica e como fica
Fica na saudade, fica

Calu disse...

Irmos assim, envoltas pelo silêncio que canta Neruda a trazer-nos muito som para cada palavra não dita.
As presenças sabidas e vividas.
Disse tudo, o poeta!
Bjkas querida,
Calu

Denise Portes disse...

Zizi,
O aprendizado do silêncio, para mim é um apredizado eterno.
Um beijo
Denise

Meire Oliveira disse...

Zizi, vc é uma querida!!!!
Silêncio que não se compreende a gente decifra ;)

bjos de luz e carinho na bochecha.

Angela Fonseca disse...

Silêncios e olhares são, na maioria das vezes, mais eloquentes que as palavras; estas, nem sempre expressam tudo, porque o campo semântico pode gerar desentendimentos irreparáveis. Vou com você, em silêncio, amiga. Beijos, Angela

✿ chica disse...

Voltei pra agradecer os carinho e desejar um lindo fds,beijos,chica

Regina Rozenbaum disse...

Sigo com você no silêncio das palavras, ao som da pura energia sentida... sigo com vc, irmigamada, sempre!
Beijuuss n.a.

Jorge (Nectan) disse...

Grande Neruda! O silêncio vale por mil palavras porque é coração que sente.

Um beijo, Anjo!!!!

Cancer de Mama Mulher de Peito disse...

Você me fez recordar de meu avô, que dizia:-
As melhores respostas são aquelas que não são ditas.
É necessário compreender a linguagem do silêncio.
Bjs.
Wilma
www.cancerdemamamulherdepeito@blogspot.com